in

[CURIOSIDADES] As inspirações para as versões brasileiras dos reality shows de culinária

anigif_optimized-2054-1418739434-22
Esse ano de 2015 está recheado de programas, as pessoas estão se envolvendo mais com esses reality shows e se divertindo (procurando conhecer um pouco mais sobre as áreas abordadas em cada programa). Se você não está acompanhando, com certeza, está olhando pessoas comentando sobre algum programa.

O que gera mais comentários é o MasterChef, que tem chefs famosos como jurados (Paola Carosella, Erick Jacquin e Henrique Fogaça), claro que a fama vem junto com os programas e gera o interesse no público, de conhecer os restaurantes deles.

É interessante saber de onde veio essa “moda”, por isso, separei essa matéria da UOL, que explica um pouco sobre a origem de cada programa, de onde veio a inspiração para produzir essa onda que muitos estão surfando no momento.

Atrações que inspiraram versões brasileiras

Divulgação

MasterChef = MasterChef Brasil

Quem tem acompanhando o sucesso do MasterChef Brasil talvez não imagine quão antiga é a fórmula. A primeira versão da franquia mundialmente famosa foi criada por Franc Roddam, no Reino Unido, no início da década de 90. Mas foram os australianos que, em 2009, chegaram ao formato atual que conquistaria o mundo. O programa é replicado localmente em mais de 40 países e retransmitido em pelo menos 200 territórios. Também ganhou outros modelos com cozinheiros profissionais, com ex-participantes e até um infantil, o Junior Master Chef, que também ganhará versão brasileira em 2015. Por aqui, o programa comandado pela jornalista Ana Paula Padrão e pelos jurados Erick Jacquin, Paola Carosella e Henrique Fogaça, já está na sua segunda temporada na Band.

Amanada Searle/Love P

The Great British Bake Off = Bake Off Brasil – Mão na Massa

Outra novidade importada por uma rede de TV brasileira é o Bake Off Brasil ou, no título original, “The Great British Bake Off”, ou “O melhor Confeiteiro Britânico”, em tradução livre. Criada pela rede BBC Worldwide, a competição é replicada em mais de 20 países, entre eles Itália, França, Suécia e Holanda. No formato, participantes competem pelo título de melhor confeiteiro amador em provas individuas de preparo de doces, pães e bolos. A franquia aterrissa no Brasil, primeiro país da América Latina a receber a atração, pela rede aberta SBT. A apresentação é de Ticiana Villas Boas, com júri formado por Fabrizio Fasano Jr. e Carolina Fiorentino.

Divulgação FOX

Hell’s Kitchen = Cozinha sob Pressão

Quem já assistiu o programa que deu origem ao Cozinha Sob Pressão sabe que o chef e apresentador Carlos Bertolazzi é bem menos escandaloso que seu colega inglês Gordon Ramsay. Não por acaso, lá fora, o reality que inspirou a versão brasileira recebe o nome de Hell’s Kitchen, algo como “cozinha infernal”. Mas a ideia é a mesma: reproduzir a pressão dos bastidores de um restaurante em pleno funcionamento. Entre berros e xingamentos, os profissionais de cozinha são avaliados durante o serviço e a cada episódio um concorrente é eliminado até restar só o campeão. A principal diferença é que na versão “gringa” o vencedor, além do prêmio em dinheiro, ganha o cargo de chef executivo em algum restaurante conceituado. Em sua 14ª temporada atualmente, o show teve origem na rede britânica ITV (Independent Television) e atualmente é transmitido pela FOX, nos EUA.

ABC

The Taste = The Taste Brasil

Criando em 2013, o reality The Taste teve três temporadas transmitidas pela rede ABC no EUA e foi cancelado em maio deste ano. No original, candidatos disputam o titulo de melhor cozinheiro amador do país e o desafio é o mesmo da versão brasileira: os competidores têm que demonstrar toda sua habilidade culinária em apenas uma colher. Para isso, eles são divididos em times, comandados por mentores que são celebridades culinárias e que, depois de orientar seus pupilos, julgam as respectivas criações às cegas. A cada episódio, o autor da pior colher é eliminado até que reste o vencedor. Lá fora o show foi estrelado por ninguém menos que a britânica Nigella Lawson e pelo chef americano e escritor Anthony Bourdain. A versão brasileira teve sua primeira temporada este ano sob o comando dos chefs André Mifano, Claude Troisgros e Felipe Bronze, com transmissão pelo canal por assinatura GNT.

Divulgação

Come Dine with Me = Jogo de Panelas

Apesar de não ser propriamente um programa, o quadro Jogo de Panelas, no Mais Você, da rede Globo, é uma variante do show “Come Dine with Me”, um popular programa de televisão exibido no Reino Unido desde 2005. A atração europeia, que inspirou o quadro apresentado por Ana Maria Braga, tem o mesmo objetivo. Cinco cozinheiros amadores competem entre si ao oferecer um jantar para os concorrentes que serão, ao mesmo tempo, os jurados. A verba do evento é limitada e oferecida pela produção e o vencedor leva um prêmio em dinheiro.
Fonte : UOL
Fotos :
1. Divulgação
2. Amanada Searle/Love P
3. Divulgação FOX
4. ABC
5. Divulgação

Written by Alex Minho

Um designer gráfico autônomo que é apaixonado por gastronomia e começou essa aventura através das hamburguerias, sempre visitando novos lugares e experimentando novos sabores. Em todos os lugares, estamos passando por uma experiência visual junto com a gastronômica.

Comments

Leave a Reply

Deixe o seu comentário

Loading…

0