in , ,

Novidades na Torteria e no Charco Restaurante

Premiação, novos menus e um empório estão entre as novidades

Os restaurantes Charco e Torteria estão com novidades. As duas casas de São Paulo trazem menus diferenciados, reconhecimentos e uma nova forma de atender os clientes.

O Charco, por exemplo, acaba de entrar para o Guia Michelin na categoria Bib Gourmand. Além disso, o local passa a disponibilizar menu degustação de sete tempos, preparados pelos chefs Tuca Mezzomo e Nathalia Gonçalves.

Mesmo com a sequência de pratos, o foco deste menu é a sazonalidade dos ingredientes, o que faz com que o cardápio varie. A casa recomenda que o cliente faça sua reserva com antecedência e avise sobre restrições alimentares e alergias, para que os chefs preparem os cardápios mais personalizados.

O menu degustação também pode ser harmonizado com quatro opções de vinhos, produzidos com exclusividade para o restaurante. Os rótulos são de uma micro produtora do interior de São Paulo e não serão vendidos separadamente no cardápio à la carte.

Já a Torteria aumentou o seu cardápio com uma linha especial e uma vegana e low carb, com tortas que trazem ingredientes como palmito pupunha, queijo gruyère, bacalhau, ervas frescas, abobrinha, alho poró e sementes de girassol e de pupunha, abobora cabotiã, azeite de dendê e coentro.

Há também novas opções na linha tradicional, como a linguiça calabresa, cebola caramelizada e requeijão cremoso, além de doces como a NYC style cheesecake, de doce de leite com praliné de amêndoas.

A casa também criou um empório para oferecer as suas massas congeladas (salgada e integral) e outras para preparo e finalização em casa, como massas de cookies e pão de queijo artesanal.

Charco
Endereço: Rua Peixoto Gomide, 1492 – Jardim Paulista – São Paulo.
Facebook: Charco Restaurante
Instagram: @charcorestaurante

Torteria
Site: Torteria
Facebook: Torteria
Instagram: @atorteria

Foto destaque: divulgação
Fonte: Deni Bloch Comunicação

Written by Carla Jaróla

Jornalista, fã de gastronomia, música, cinema e literatura. E beatlemaníaca.

Comments

Deixe o seu comentário

Loading…

0